quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Nova Ortografia

Olá amigos, excelente quinta-feira a todos nós.
A Nova Ortografia, que já está em vigor, ainda causa confusões. Veja alguns exemplos utilizados sobre o Trema e Acento Agudo. Espero ter ajudado.
Obrigada, abraços,

Trema
O trema deixou de ser usado, a não ser em nomes próprios e derivados. Palavras como lingüiça, seqüestro, tranqüilo deixam de ter trema. No entanto, o acento continua a ser usado em palavras estrangeiras e seus derivados: Müller e Bündchen são exemplos.

Acento agudo
O acento agudo não é mais usado nos ditongos abertos ei e oi de paroxítonas (que têm acento tônico na penúltima sílaba). Palavras como idéia, assembléia e jibóia perderam o acento agudo. As oxítonas terminadas em éis, éu, éus, ói, óis continuam a ser acentuadas: chapéu(s), papéis, herói(s), troféu(s).
Palavras paroxítonas com i e u tônicos perderam o acento quando vierem depois de ditongo. Por exemplo, feiúra, baiúca, bocaiúva ficam feiura, baiuca, bocaiuva. No entanto, o acento permanece se a palavra for oxítona e, o, i ou o u estiverem no final ou seguidos de s. Exemplos são Piauí, tuiuiú, tuiuiús.
Formas verbais que têm o acento tônico na raiz, com u tônico precedido de g ou q e seguido de e ou i também perdem o acento agudo. Verbos como averigúe (averiguar), apazigúe (apaziguar) e argúem (arg(ü/u)ir) mudam e passam a ser grafadas averigue, apazigue, arguem.

Fonte: Ideal Dicas  

Nenhum comentário: